Otimização da alocação de salas de aula: um estudo de caso na Universidade Federal de São Carlos

Autores

  • Raquel Santana UFSCar, Departamento de Engenharia de Produção
  • Yuji Enoshita Otomo UFSCar, Departamento de Engenharia de Produção
  • Carolina Souza Shima UFSCar, Departamento de Engenharia de Produção
  • Pedro Munari

DOI:

https://doi.org/10.4322/PODes.2022.002

Palavras-chave:

Alocação de Salas, Otimização, Planilha Eletrônica, Assessibilidade

Resumo

No início de cada semestre letivo, instituições de ensino se deparam com um problema típico, que é a alocação de salas de aula. Esse problema envolve a atribuição de salas às turmas ofertadas no semestre, considerando critérios como ocupação das salas, deslocamentos dos professores e alunos, requisitos de acessibilidade, dentre outros. Tal processo pode se tornar difícil e tedioso quando há muitas turmas, podendo levar a alocações insatisfatórias se feito de forma manual. Este trabalho aborda a otimização da alocação de salas de aula, tendo como base a Universidade Federal de São Carlos (UFSCar), e propõe um método de solução baseado em um modelo de otimização, integrado a uma ferramenta de apoio à tomada de decisão. Essa ferramenta tem sido usada com sucesso na UFSCar desde 2016, e diminuiu consideravelmente o tempo que era dispendido no processo manual, além de resultar em alocações que satisfazem os principais requisitos da instituição.

Biografia do Autor

Pedro Munari

Departamento de Engenharia de Produção

Grupo de Pesquisa Operacional

Downloads

Publicado

02-03-2022

Como Citar

Santana, R., Otomo, Y. E., Shima, C. S., & Munari, P. (2022). Otimização da alocação de salas de aula: um estudo de caso na Universidade Federal de São Carlos. Pesquisa Operacional Para O Desenvolvimento, 15, 1–18. https://doi.org/10.4322/PODes.2022.002

Edição

Seção

Artigos