DISTRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA COM ALGORITMO HÍBRIDO BASEADO EM EFICIÊNCIAS DEA

  • Eliane Gonçalves Gomes Embrapa
  • João Carlos Correia Baptista Soares de Mello UFF

Resumo

Este artigo tem como objetivo usar modelos de produção baseados na Análise Envoltória de Dados (DEA) para alocar bolsas de iniciação científica a centros de pesquisa. São usados o modelo DEA com Ganhos de Soma Zero (DEA-GSZ) e o Algoritmo Sequencial para Alocação de Recursos Discretos em DEA, em duas etapas consecutivas. Os resultados são comparados a um modelo anteriormente proposto que usava apenas o modelo DEA-GSZ nas duas etapas, e mostram-se superiores segundo o critério de eficiência média final.

Biografia do Autor

Eliane Gonçalves Gomes, Embrapa
Secretaria de Gestão e Estratégia
João Carlos Correia Baptista Soares de Mello, UFF
Departamento de Engenharia de Produção
Publicado
26-04-2009
Como Citar
Gomes, E., & Soares de Mello, J. C. (2009). DISTRIBUIÇÃO DE BOLSAS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA COM ALGORITMO HÍBRIDO BASEADO EM EFICIÊNCIAS DEA. Pesquisa Operacional Para O Desenvolvimento, 1(2). Recuperado de https://podesenvolvimento.org.br/podesenvolvimento/article/view/13
Seção
Artigos